Now Playing Tracks

A verdade é que nos tornamos mais pequenos do que já somos quando pensamos que aquela dor não bem-vinda sempre existirá. Não existe doença que Deus não possa curar. Não existe machucado que Deus não possa sarar. Não existe coração destruído que Deus não possa restaurar e o fazer novo, de novo. É tudo questão de fé. Se acreditar que o impossível não faz parte do vocabulário de Deus, coisas extraordinárias Ele fará por você.
Cartas para Deus  (via deus-e-poeta)
Não estou livre dos dias ruins, desânimos e tristezas. Sempre vai existir alguma coisa pra tentar me fazer parar no meio do caminho. Não é fácil cair, ralar os joelhos, pernas, alma e coração, mas isso não pode ser motivo para permitir que a dor se instale. Se eu sinto vontade de desistir? Sim. Quem não sente? Mas, afinal, vale a pena mesmo desistir? A resposta é, não. Não quando se trata de uma grande vitória à minha espera no final do caminho. Desistir algumas vezes é a única opção, mas não no meu caso. Eu escolhi desistir de desistir.
Laureane Antunes (via deus-e-poeta)
Não estou dizendo isso por me sentir abandonado, pois aprendi a estar satisfeito com o que tenho. Sei o que é estar necessitado e sei também o que é ter mais do que é preciso. Aprendi o segredo de me sentir contente em todo lugar e em qualquer situação, quer esteja alimentado ou com fome, quer tenha muito ou tenha pouco. Com a força que Cristo me dá, posso enfrentar qualquer situação.
Filipenses 4.11-13. (via deus-e-poeta)

(Source: paraseradorador)

Venci a leucemia me apoiando na fé da qual passei muito tempo alimentando meu coração. Sentia fortes dores na cabeça e nos ossos, o que causava minhas fraquezas constantes. Mas apesar do corpo se sentir fraco e cansado, a alma se sentia forte pela esperança da qual se alimentava. O meu sustento não era apenas os remédios que tomava todas as manhãs e aos fins de tardes. De acordo com médicos que estavam cuidando do meu caso, se meus tratamentos não respondessem de forma positiva, o que me restaria seria alguns meses de vida. Apesar do estado grave em que me encontrava, minha fé permanecia intacta, sem data marcada para morrer. Alguns meses se passaram, os resultados positivos estavam se tornando cada vez mais visíveis. Aquela doença que havia me dominado, estava se despedindo. Especialistas em leucemia não entendiam o que estava acontecendo. Mas eu sabia, minha fé em um Deus invisível aos olhos humanos mas presente em meu coração estava me trazendo vida. Eu não acreditava em milagres, até se tornar um.
Um coração valente (via deus-e-poeta)
To Tumblr, Love Pixel Union